Obesidade e Excesso de Peso

O que é?

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a obesidade é definida como um acúmulo anormal ou excessivo de gordura corporal que pode atingir graus capazes de afetar a saúde. É uma doença crónica, de origem multifatorial e está associada a doenças crónico-degenerativas.⁣


Os últimos dados sobre a prevalência de obesidade em Portugal, indicam que 38,9% da população adulta (25-74 anos) tem excesso de peso e 28,7% sofre de obesidade.⁣


A obesidade e o excesso de peso são um problema de saúde pública que afeta crianças, adolescentes e adultos de todos os géneros, raças e níveis socioeconómicos, e está, geralmente, associada a outras comorbilidades graves, como hipertensão, diabetes mellitus tipo 2, dislipidemia, AVC, osteoartrite, apneia do sono, problemas respiratórios e certos tipos de cancro. Para além disso, crianças e adultos obesos ou com excesso de peso são afetados negativamente por preconceitos sociais e discriminação, tendo também consequências emocionais e psicológicas.⁣


Para além das muitas consequências para a saúde, existe ainda uma carga económica considerável relacionada à obesidade, nomeadamente nos custos associados aos tratamentos não só ao tratamento desta doença, mas também das outras doenças associadas.⁣


O estilo de vida, nomeadamente a alimentação desequilibrada e a inatividade física, são os fatores principais que podem influenciar a incidência e prevalência desta doença.⁣

Papel do Exercício Físico na Obesidade e Excesso de Peso

Como referi anteriormente, a obesidade e o excesso de peso são um grave problema de saúde pública que afeta grande parte da população mundial. Desta forma é de extrema importância encontrar estratégias para a prevenção, controlo e tratamento desta doença.⁣⁣

O controlo do peso corporal depende do balanço energético entre as calorias ingeridas e as calorias gastas. Para que ocorra uma redução do peso corporal, as calorias gastas (por exemplo, pelo exercício físico) devem ser superiores às ingeridas na alimentação.⁣⁣

Entre os benefícios associados à saúde, o exercício físico tem o potencial de melhorar a perda de peso a curto e longo prazo, havendo evidências da associação inversa entre a gordura corporal e o exercício físico. Além disso, é um fator-chave na manutenção de um peso saudável, sendo esta manutenção de um peso adequado posterior à perda de peso, uma das maiores dificuldades encontradas pelas pessoas após o emagrecimento.⁣⁣

Os objetivos do exercício físico durante a fase ativa de perda de peso deverão ser:⁣⁣

  • Maximizar a quantidade de gasto calórico para promover a perda de peso;⁣⁣
  • Integrar o exercício no estilo de vida e rotina do indivíduo para prepará-lo para uma fase de manutenção de perda de peso bem-sucedida.⁣⁣

Para a perda de peso, o American College of Sporst Medicine (ACSM) sugere a realização de pelo menos 250 minutos/semana de exercício físico de intensidade moderada a vigorosa.⁣⁣

No entanto, as perdas de peso alcançadas apenas com as mudanças na atividade física e prática de exercício físico, costumam ser insuficientes, sendo muito importante associar uma dieta equilibrada ao exercício de forma a atingir o objetivo.⁣⁣

Assim sendo, de forma a atingir estes objetivos, é importante o acompanhamento por parte de um(a) especialista em exercício físico para prescrever o treino indicado, assim como a um(a) nutricionista para lhe prescrever uma dieta adequada à perda de peso.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: